Parintins Notícias
Notícias de Parintins

Governador Wilson Lima reforça apoio do Amazonas ao restante do País na ‘Operação Gratidão’

O governador Wilson Lima reforçou, durante pronunciamento neste sábado (20/03), o apoio do Amazonas, por meio da “Operação Gratidão”, para os estados com a rede de saúde pressionada pelo aumento de casos da Covid-19. A ação do Governo do Estado iniciou na terça-feira (16/03) e já recebeu pacientes de Rondônia e Acre, além de enviar insumos e equipamentos de saúde para outras capitais brasileiras.

O governador falou das dificuldades enfrentadas por várias capitais neste momento crítico da pandemia. Wilson Lima relembrou o esforço do Amazonas nos meses de janeiro e fevereiro, principalmente para solucionar problemas de demanda de oxigênio em unidades hospitalares e abertura de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes graves.

“É uma logística complexa para chegar aqui uma balsa de oxigênio, demorando uma semana vinda de Belém. Estamos distantes dos centros produtores, de uma saúde que vem de um histórico de falta de investimentos no interior, mas nós estamos mudando isso, inclusive é algo inédito que a gente conseguiu fazer: colocar respiradores em todos os hospitais do interior”, destacou o governador.

Gratidão – Correspondendo o apoio dado ao Amazonas no momento mais crítico da pandemia da Covid-19, o Governo do Estado tem tomado uma série de medidas com o objetivo de auxiliar outros estados na “Operação Gratidão”.

Até este sábado (20/03), o estado acolheu 27 pacientes acometidos pela doença, sendo 24 de Rondônia e três do Acre. Uma das operações de transporte contou com a atuação de profissionais de saúde da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), que buscou 15 pacientes em Rondônia e levou 18.500 unidades de medicamentos, incluindo kits de intubação. Todos os pacientes foram trazidos em voos da Força Aérea Brasileira (FAB) para serem internados no Hospital Delphina Aziz, na zona norte de Manaus.

O Governo do Estado também já enviou 50 concentradores de oxigênio para Rondônia, fruto de uma parceria com o Ministério Público do Trabalho (MPT). Uma miniusina de oxigênio emprestada pelo Hospital do Amor da Amazônia, de Rondônia, está sendo devolvida àquele estado.

Uma usina da empresa White Martins, fornecedora do Estado, que estava sendo usada na rede de saúde estadual, está sendo desmontada e será transportada para o Acre. Outras duas miniusinas da empresa serão transportadas para Santa Catarina; 10 respiradores serão enviados para Goiás; bombas de infusão seguirão para o Maranhão e 200 cilindros de oxigênio estão sendo emprestados ao Paraná.

Além da assistência em saúde, o Estado está oferecendo assistência psicossocial aos pacientes e familiares, com apoio da Secretaria de Assistência Social (Seas), Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) e Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE).

FOTO: Diego Peres / Secom

você pode gostar também
Comentários
Loading...