Parintins Notícias
O Site de Notícias de Parintins

- Publicidade -

Amazonas terá como base diretrizes do Consed para elaborar protocolos de Segurança e Saúde da rede estadual de ensino

Medidas do Conselho Nacional deverão ser seguidas durante o retorno às aulas presenciais, que ainda não possui data definida

Ainda sem data definida para o retorno às aulas presenciais da rede estadual, a Secretaria de Estado de Educação e Desporto começa, aos poucos, a elaborar seus protocolos de Segurança e Saúde com medidas que deverão ser adotadas por toda a comunidade escolar quando for anunciada a volta às atividades presenciais.

Para a criação desses documentos, que serão amplamente divulgados quando finalizados, a secretaria tomará como base as diretrizes elaboradas pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), anunciadas nesta semana. A ideia é que a pasta trabalhe em consonância com o órgão de Educação para elaborar os seus próprios protocolos, fazendo os devidos ajustes à realidade da rede estadual de ensino.

No documento oficial, o Consed lista uma série de cuidados e orientações que devem ser seguidos pelas secretarias de Educação do País. O plano foi elaborado a partir da experiência de outros países que já retornaram às aulas presenciais e teve como base, ainda, propostas de protocolos criadas por estados que já se adiantaram nesse quesito.

“Apesar de não termos uma data definida para a volta às aulas presenciais, é importante que a Secretaria de Educação dê início à construção dos protocolos que esse retorno gradativo e escalonado requer. Já iniciamos o processo de escuta da rede estadual para entendermos também qual é nossa realidade ”, afirmou o secretário de Estado de Educação em exercício, Luis Fabian Barbosa.

Além das diretrizes do Consed, também serão incorporadas ao planejamento da secretaria experiências internacionais, recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e diretrizes de órgãos educacionais do Brasil e do mundo, como é o caso do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID); Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco); World Bank Group; e do movimento nacional “Todos pela Educação”.

Todos esses documentos já estão disponíveis no site oficial da Secretaria de Educação, por meio do link https://bit.ly/3fAj6Io.

Orientações – As diretrizes para protocolo de retorno às aulas presenciais do Consed apresentam oito esferas de atuação, que devem estar presentes nos protocolos individuais das secretarias de Educação. São elas: instituição de comitê intersetorial, integrando as áreas da educação, saúde e assistência social; orientação prévia a estudantes, servidores e famílias quanto ao retorno, especialmente sobre os cuidados sanitários; levantamento dos servidores em grupos de risco, que deverão atuar em trabalho remoto; procedimentos de acolhimento de estudantes e servidores; medidas de segurança sanitária; medidas pedagógicas; gestão de pessoas; e roteiro de contingência em caso de nova suspensão.

Pesquisas – Para auxiliar na construção desses protocolos e promover um diálogo com a comunidade escolar, a Secretaria de Educação lançou, no início desta semana, uma série de pesquisas on-line voltada a quatro públicos-alvo: pais e responsáveis; servidores administrativos; professores e pedagogos; e gestores. Os documentos também estão disponíveis no site oficial da secretaria.

As pesquisas têm como objetivo captar informações sobre o cenário pós-medidas de isolamento social e de suspensão das aulas presenciais. Desta forma, a pasta pretende adaptar as mudanças pedagógicas e protocolos de Saúde à realidade da comunidade escolar do Amazonas.

Foto: Cleudilon Passarinho

Comentários
Carregando...