Informações e Notícias de Parintins

Bi Garcia apresenta demandas do setor primário à SEPROR

Em reunião que aconteceu em Manaus, Bi Garcia destacou o esforço e o empenho da administração municipal em buscar parcerias que possibilitem o fortalecimento e o crescimento do setor primário, especialmente quanto ao fomento de uma matriz econômica que seja permanente.

As demandas do setor primário de Parintins foram apresentadas pelo prefeito Bi Garcia e o secretário de Pecuária, Agricultura e Abastecimento, Edy Albuquerque, ao secretário de Produção do Estado, Petrúcio Magalhães Júnior.

Em reunião que aconteceu em Manaus, Bi Garcia destacou o esforço e o empenho da administração municipal em buscar parcerias que possibilitem o fortalecimento e o crescimento do setor primário, especialmente quanto ao fomento de uma matriz econômica que seja permanente.

As demandas foram baseadas no Plano de Ação do Setor Primário, que contempla quatro cadeias produtivas prioritárias, como a pecuária leiteira, mandioca, banana e piscicultura em tanque escavado.

O secretário Petrúcio ressaltou a importância do município de Parintins no cenário produtivo do estado, falou das dificuldades orçamentárias que a SEPROR, assim como todos os setores do estado e do próprio país estão passando, mas firmou compromisso junto ao prefeito Bi Garcia de atender as prioridades.

“Acreditamos que teremos sucesso dos nossos pleitos junto a SEPROR, sabemos do compromisso do governador Wilson Lima e do secretário Petrúcio com o setor primário, principalmente após o lançamento do Plano Safra” disse Garcia.

De acordo com o secretário da Sempa, Edy Albuquerque, o prefeito Bi Garcia está trabalhando os recursos para o fomento dos projetos por meio de transferência voluntária e também por meio do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Estado do Amazonas – FTI.

O prefeito já está articulando reuniões com o governador Wilson Lima, para assegurar os investimentos para o setor primário do município de Parintins.

Comentários
você pode gostar também