Centro de Referência da Assistência Social de Vila Amazônia faz homenagem ao mês do folclore

Centro de Referência da Assistência Social de Vila Amazônia faz homenagem ao mês do folclore
Foto: Aroldo Bruce

No CRAS de Vila Amazônia, a cada mês é trabalhado uma temática que envolve meio ambiente, prevenção às drogas, exploração sexual de crianças e adolescentes, e demais ações.

A Prefeitura de Parintins, através da Semasth, trabalha diretamente com três Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) que desenvolvem importantes atividades para crianças e adolescentes. Na sede do município funcionam os CRAS de Paulo Corrêa e Santa Rita. O terceiro CRAS está em Vila Amazônia.

Dotado de profissionais como psicólogos, assistentes sociais, pedagogos, educadores sociais e facilitadores de oficinas, os CRAS trabalham o serviço de convivência, fortalecimento de vínculo familiar e prevenção de riscos de vulnerabilidade social. São várias as ações desenvolvidas anualmente que têm apresentado resultado positivo para a sociedade.

No CRAS de Vila Amazônia, a cada mês é trabalhado uma temática que envolve meio ambiente, prevenção às drogas, exploração sexual de crianças e adolescentes, e demais ações. Neste mês, a temática é voltada para educação e saúde. De acordo com a coordenadora do CRAS Vila Amazônia, Aneyliese Guerreiro Pontes, as crianças participam ativamente das ações. Neste mês, homenagens serão feitas ao dia do folclore.

No dia 30 de agosto, com o tema folclore: reciclando em forma de arte, na quadra do Centro Infantil Claudir Carvalho, acontece a apresentação do boizinho Marrento, um trabalho do CRAS, através das crianças e adolescentes, que objetiva integrar a comunidade. O nome “marrento”, segundo Aneyliese, simboliza resistência, determinação em busca de um ideal. “O nome marrento significa ser lutador, guerreiro e vencedor. Resiliência é a maior virtude que buscamos com a escolha para o nome do boi. Esta é a mensagem que apresentamos para nossos usuários, pois apesar das adversidades da vida temos a capacidade de superar os problemas e vencer.”, explicou.

A atuação dos três CRAS é importante para a comunidade e a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, Trabalho e Habitação (Semasth), tem incentivado. Orientação social, oficinas de esporte, lazer, música, dança, desenho e pintura são realizados. A Secretária Zeila Cardoso acompanha diretamente o trabalho dos coordenadores dos CRAS, apóia as ações criadas que são unicamente de interesse da comunidade.

Deixe um comentário