Parintins Notícias
Notícias de Parintins

Educa+Amazonas: primeira caravana de formação atende mais de mil profissionais das redes públicas de ensino em Tefé

Foram mais de 60 cursos, minicursos, oficinas e palestras, em dois dias de atividade

Mais de mil profissionais da educação das redes estadual e municipal, participaram da primeira “caravana de formação” do projeto “Trilhas do Saber”, em Tefé, durante os dois dias de atividades (18 e 19/08). A iniciativa do Governo do Amazonas integra o programa Educa+Amazonas, lançado em julho deste ano, com investimentos da ordem de R$400 milhões em 4 eixos prioritários. O município foi o primeiro a receber as equipes da Secretaria de Estado de Educação e Desporto e Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam).

Para o município de Tefé (distante 523 quilômetros de Manaus) foram levados mais de 60 cursos, minicursos, oficinas e palestras. Com isso, o “Trilhas do Saber” se torna a maior proposta de formação continuada do Estado em atividade.

O projeto “Trilhas do Saber” integra o programa Educa+Amazonas, que vai investir mais de R$ 400 milhões em iniciativas voltadas às redes públicas de educação do Amazonas. Ao todo, a iniciativa chegará a todos os 62 municípios do estado, levando formação aos profissionais da Educação das redes municipais e estadual.

“Nós estamos muito lisonjeados por ter o município de Tefé como o primeiro contemplado com as atividades de formação. Consideramos de extrema importância que os nossos professores possam debater questões pertinentes para a educação no Amazonas e para a realidade de cada município. A gente sabe o quanto a pandemia afetou os nossos níveis de conhecimento e estas formações nos dão o ímpeto necessário para retomá-los”, explicou a coordenadora regional de Educação de Tefé, Zélia Figueiredo.

Para a execução da atividade de formação, a Secretaria de Estado de Educação e Desporto mobilizou cerca de 50 profissionais, entre formadores e técnicos, com o intuito de alcançar o maior número de participantes.

“O projeto surge em meio a grandes mudanças e este é um momento muito importante para a nossa Educação. Estamos empenhados em alcançar todos os municípios, pois entendemos que a barreira geográfica precisa ser superada. Para isso, mobilizamos o maior número de formadores e técnicos e contamos, ainda, com a parceria com o Cetam, que aceitou o desafio de realizar a formação continuada no interior do estado”, destacou a professora do Centro de Formação Profissional José Anchieta (Cepan), Adriana Rosa.

As palestras e oficinas “Construindo uma educação que faz sentido: competências da gestão escolar”, “A educação necessária no mundo de hoje” e “As tecnologias digitais e os estudantes do século 21: possibilidades e desafios para os docentes” são algumas das atividades que norteiam o “Trilhas do Saber”.

A educadora Delvaneide Chagas, que atua na Escola Estadual Getúlio Vargas, contou como foi participar da “caravana de formação”, com a oficina “A BNCC no chão da escola”.

“É fundamental que todos os professores tenham acesso à informação para esta nova realidade. Estar a par de questões fundamentais, como a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), foi um ponto que nos orientou bastante sobre esse futuro que fará parte das nossas atividades, a partir de agora. E nós, que estamos no interior, temos muitas dificuldades de conexão com a Internet, então, a formação continuada é essencial para que a gente aplique no chão da escola, junto com os alunos, as nossas práticas pedagógicas”, finalizou a docente.

FOTO: Eduardo Cavalcante / Seduc-AM

você pode gostar também
Comentários
Loading...