Garantido: curral de “alegoria velha”

Garantido: curral de “alegoria velha”

Quanta falta de sensisensibilidade de um gestor. Realmente, administrar patrimônio de boi de pano não é para qualquer um. O Curral da Associação Folclórica Boi Bumbá Garantido, localizado na Estrada Odovaldo Novo, parece um cemitério de alegoria velha. Entretanto, o processo de reaproveitamento das ferragens será inevitável no Festival Folclórico do próximo ano.

O Boi Garantindo perdeu o título do festival 2018 e a estética do seu curral. Nada de atraente ou poético essas alegorias velhas ocupando esse espaço. É verdade, que a festa tem seu período tradicional, porém, o ano todo tem turistas na cidade. Esta situação envergonha os torcedores do boi vermelho. Ausência de coerência e responsabilidade camuflam o processo de organização.

Os bois recebem milhões de reais e não podem terminar o ano assim, a exemplo do curral do Garantido. Administrar boi bumbá não é somente no período da festa, mas o ano todo. É necessário que os sócios do boi fiscalizem e animem o presidente a mudar a realidade atual do curral. Este amontoado de alegoria aí é inaceitável.

Curral do Caprichoso sempre limpo e apto a receber visitantes. (Fotos:Aroldo Bruce)
Curral do Caprichoso sempre limpo e apto a receber visitantes. (Fotos:Aroldo Bruce)

Ainda bem que o boi Capricho não comunga da mesma imprudência, deixar as alegorias espalhadas no seu curral “Zeca Xibelão”. Curral é patrimônio primordial de boi de pano e deve está sempre limpo e agradável para receber visitantes. Curral sujo e cheio de alegorias velhas é sinônimo de falta de respeito com o torcedor e com a cultura da preservação tão defendida pelo boi.

Fonte: Blog do Aroldo Bruce

Deixe um comentário