Governo do Estado envia 4.220 doses de vacinas para os municípios com dificuldade de logística, nesta sexta-feira

O Governo do Amazonas enviou, nesta sexta-feira (19/03), 4.220 doses das vacinas contra a Covid-19 para seis municípios do interior do estado. Mais de 768 mil doses de vacinas já foram distribuídas até o momento pela gestão Wilson Lima em todo o Amazonas.

O envio contemplou os municípios de: Fonte Boa (450 doses), Jutaí (310 doses), Tonantins (340 doses), Amaturá (430 doses), São Paulo de Olivença (2.340 doses) e Benjamin Constant (350 doses). Todo o procedimento de logística para a distribuição do medicamento é realizado por meio da Casa Militar.

De acordo com o balanço mais recente disponibilizado pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) nesta sexta-feira, até o momento o Governo do Estado já distribuiu, ao todo, 768.800 doses da vacina em todo o Amazonas e aguarda a retirada de 42.944, referente a oitava remessa destinada à complementação das vacinas no público de 60 a 64 anos.

Todos os 62 municípios do Amazonas já foram informados da distribuição das doses. Para efetuar a retirada, é preciso que a prefeitura da localidade entre em contato com a FVS, com antecedência de 24 horas, para realizar o agendamento do pedido, que será entregue a um representante oficial do município.

Competências na Imunização – A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) explica que as competências quanto às responsabilidades no processo de recebimento, envio e retirada de vacinas são estabelecidas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), gerenciado pelo Ministério da Saúde. De acordo com o Programa de Imunização, é de responsabilidade da FVS o recebimento, conservação, armazenamento e distribuição das vacinas aos municípios, que são responsáveis pela retirada na FVS.

A FVS-AM atua também no apoio direto à execução das campanhas de vacinação, incluindo o custeio e aquisição de insumos como seringas, agulhas, caixas térmicas, cartões de registro, e equipamentos para estruturação da rede de frio, além do apoio, por meio do Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais (CRIE), setor responsável pelo treinamento, avaliação e monitoramento dos eventos adversos pós-vacina aos municípios.

Além disso, a FVS-AM, por meio da Coordenação Estadual de Imunização, realiza, em parceria o Departamento de Atenção Básica (DAB) da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), as capacitações de profissionais que atuam nos programas municipais de imunização, monitoramento da campanha, bem como das metas e avalia as coberturas vacinais no Estado, apoiando tecnicamente os programas locais.

Recurso Federal – A FVS-AM informa, ainda, que o custeio de ações de Vigilância em Saúde, que inclui as políticas públicas de imunização, é feito por meio de repasse de recursos federais do Piso Fixo de Vigilância, bem como recursos oriundos do Ministério da Saúde para a Atenção Básica, que deve ser destinado às ações do território.

Quanto ao apoio logístico de transporte das vacinas, a FVS-AM, em parceria com a Secretaria da Casa Militar, vem somando esforços para viabilizar o transporte dos insumos para os municípios mais distantes, considerando a dificuldade de acesso pelo modal terrestre. Já foram atendidos mais de 30 municípios, os quais receberam apoio da equipe do Departamento de Aviação do Governo do Estado.

A Fundação mantém atualizado os dados referente às coberturas vacinais, de acordo com os dados informados pelas respectivas Secretarias Municipais de Saúde, bem como mantém atualizado os quantitativos das remessas disponibilizadas aos municípios, além das retiradas e saldo existente. Todos os dados constam no portal da FVS-AM disponível em: https://bit.ly/38Yjvn7 em conformidade com as Diretrizes do Plano Nacional de Imunização (PNI), traçado pelo Ministério da Saúde e coordenado no Amazonas pela FVS-AM.

Referência – A FVS-AM é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas e atua no monitoramento de doenças no estado. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus.

FOTO: Divulgação / FVS