The news is by your side.

- Publicidade -

MP recorre de decisão do TJ que inocentou Bi Garcia de fraudes em licitações

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) recorreu da decisão da Justiça do Amazonas que absolveu o prefeito de Parintins, Frank Bi Garcia (DEM), sobre denúncias de suspeita de crime de responsabilidade, fraudes em licitações, desvio de recursos públicos e formação de quadrilha.

A ação do MP pede em ação que se prolonga há 8 anos, além de Frank Bi Garcia, a condenação de seus auxiliares, Francisco Walteliton de Souza Pinto, Flávio Souza dos Santos Filho, dono da construtora Tercom Terraplagem Ltda, Fábio Gadelha Cardoso e Luiz Geraldo Freitas Dias.

“Houve uma atuação orquestrada entre os cinco recorridos para justificar, irregularmente, dispensa de licitação, e beneficiar a empresa TERCOM TERRAPLANAGEM E CONSTRUÇÕES, de propriedade do segundo recorrido, senhor FLávio Souza dos Santos Filho, mesmo sem que houvesse a correspondente execução dos serviços contratados”, diz trecho do documento encaminhado ao TJ.

“Ministério Público do Estado do Amazonas requer o CONHECIMENTO e PROVIMENTO do recurso especial, a fim de que seja reformado o Acórdão vergastado para condenar os recorridos pela prática da infração do art. 89 da Lei n.º 8.666/93, bem como pelo crime de responsabilidade descrito no art. 1.º, I, do Decreto-Lei n.º 201/67, além de todos os efeitos jurídicos decorrentes da referida condenação, a serem definidos por essa egrégia Corte de Justiça”. O documento é assinado pelo subprocurador-Geral de Justiça para assuntos jurídicos e institucionais, Carlos Fábio Braga Monteiro.

Confira o documento:

document-2(1)

Fonte: portalopoder.com.br

Foto: Divulgação

Comentários
Carregando...