Parintins Notícias

O conhecimento adquirido no curso irá aprimorar o atendimento das vítimas e testemunhas de violência sexual

Policiais civis lotados em delegacias do interior do Amazonas participaram, ao longo desta semana, do curso de capacitação voltado a escuta especializada de crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de crimes. O curso iniciou na segunda-feira (03/06) e foi finalizado nesta sexta-feira (07/06), no auditório da Delegacia Geral.

Durante a formação, estiveram presentes delegados, investigadores e escrivães que atuam nas Delegacias Interativas (DIP) e especializadas (DEP) de Polícia do interior do Estado. Entre elas, estavam as delegadas Larissa Barreto, da DEP de Lábrea (a 702 quilômetros de Manaus), e Mayara Magna, da 50ª DIP de Atalaia do Norte (a 1.138 quilômetros de Manaus).

Conforme a delegada Mayara Magna, o interior tem muitas peculiaridades, principalmente quando é sobre crimes sexuais contra crianças e adolescentes. O trabalho de prevenção está sendo realizado por meio de palestras e redes de apoio da família, que observam o comportamento da criança e adolescente.

“Estamos buscando melhorias, um ambiente adequado para melhor atender as vítimas, visamos passar segurança nas denúncias, protegendo essa vítima que muitas vezes tem medo de procurar a unidade policial para relatar o crime sofrido”, declarou.

De acordo com a delegada Larissa Barreto, com o curso de capacitação, a equipe policial está enriquecendo o trabalho de investigação dos crimes que ferem a integridade das crianças e adolescentes.

“Nas delegacias do interior serão implementadas salas para atender as vítimas de violência sexual, a fim de que elas se sintam confortáveis em falar sobre esse assunto sensível durante os depoimentos”, explicou.

O curso foi realizado pela da Comissão de Capacitação, Treinamento e Desenvolvimento (CCTD) e Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), com o apoio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).