Informações e Notícias de Parintins

Prefeitura de Parintins forma primeira turma de professores indígenas do povo Sateré Mawé

A formação dos professores indígenas faz parte da VI Etapa da Formação Inicial de Professores Indígenas do povo Sateré-Mawé do Rio Uaicurapá e aconteceu na escola municipal Nuitu Nuitu Ymyê.

A Prefeitura de Parintins através da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) formou na noite deste domingo, (29), 19 professores do curso de magistério indígena do Projeto Pirayawara. A cerimonia aconteceu na comunidade indígena Nova Alegria, no Rio Uaicurapá com a presença dos Tuxauas das comunidades que compõem a área, do técnico da gerencia da educação escolar indígena professor José de Oliveira Farias e do secretário de educação professor João Costa.

A formação dos professores indígenas faz parte da VI Etapa da Formação Inicial de Professores Indígenas do povo Sateré-Mawé do Rio Uaicurapá e aconteceu na escola municipal Nuitu Nuitu Ymyê. O Projeto Pirayawara foi executado pela Prefeitura de Parintins em parceria com o Governo do Estado. O curso de formação assegura condições de acesso escolar à população indígena e promove o Ensino Básico conforme Legislação Federal cujo foco é a formação e capacitação de Professores Indígenas para ministrarem aulas do 1º ao 5º ano (séries iniciais) do Ensino Fundamental e Ensino Médio nas escolas indígenas.

Durante o curso do magistério indígena os professores receberam formação nas áreas de linguagens, códigos e suas tecnologias, ciências da natureza, matemática e suas tecnologias, ciências humanas e suas tecnologias e fundamentos para o magistério, totalizando 480 horas. A meta principal é garantir aos povos indígenas uma educação diferenciada, específica, intercultural, bilíngue, de qualidade e que responda aos anseios desses povos.

Para o técnico da gerência da educação escolar indígena da Seduc, professor José de Oliveira, o curso entrega para a sociedade professores com capacidade para transformar a educação escolar indígena no que tange as especificidades dos povos indígenas.

“São professores que são entregues a sociedade com o objetivo de transformar a educação escolar indígena dentro de suas especificidades de modo diferenciado. É com imenso prazer que a Seduc junto com o governo municipal, em regime de parceria, entrega esses profissionais para atuar na educação escolar indígena”, disse o professor José de Oliveira.

O professor indígena formado pelo curso, Elison dos Santos Oliveira, disse que para os povos indígenas é um momento histórico, pois isso é resultado das lutas para garantir educação escolar indígena de qualidade.

“Para nós, os povos indígenas é um motivo de muita alegria, pois lutamos para ter uma educação de qualidade para mostrar para nosso povo que somos capazes de atuar na sala de aula com nossos alunos e preservar nossas tradições”, destacou o professor Elison dos Santos.

O Tuxaua da aldeia Nova Alegria Azarias Ferreira agradeceu a oportunidade que o prefeito Bi Garcia deu aos professores cursistas para a conclusão do curso de formação do magistério indígena.

“Essa parceria foi muito importante, porque sem a parceria do governo do Estado e governo municipal não conseguiríamos concluir o curso. Fico muito feliz e parabenizo o prefeito Bi Garcia pela iniciativa e ele pode esperar o apoio do povo Sateré Mawé no seu governo”, destacou o Tuxaua Azarias Ferreira.

Segundo o secretário de educação, professor João Costa, a Prefeitura de Parintins garantiu todo o apoio logístico para que os alunos conseguissem concluir no prazo estabelecido a formação. “Cumprimos as orientações do prefeito Bi Garcia para garantir todo o suporte necessário através da secretaria de educação para que os professores formadores conseguissem chegar à comunidade e os alunos pudessem concluir no período determinado o curso de formação tão importante para acrescentar conhecimento aos professores indígenas.

Hoje a Educação Escolar Indígena está comemorando várias conquistas alcançadas na Administração do Prefeito Bi Garcia. Somam-se a estas conquistas da formatura destes 19 professores a recente inauguração da escola moderna, climatizada e toda estruturada da Nova Galiléia, chegando à terceira escola em alvenaria construída em seus mandatos.

Destaca-se ainda, a chamada pública da agricultura familiar específica para os povos tradicionais para a merenda escolar, a revisão do PCCR do magistério municipal que inclui o cargo de Professor Indígena e o início da elaboração da estrutura curricular da língua materna Sateré Mawé da Matriz Curricular da Semed, fatos inéditos para a Educação Indígena, disse o secretário em sua fala.

Por fim, disse que era uma honra representar o Prefeito Bi Garcia na solenidade, o Prefeito que já está na História Administrativa de PARINTINS como o gestor que mais construiu escolas na Sede e na zona rural do município, valorizando os profissionais da educação na busca constante de qualidade para os estudantes que são a razão da existência da Rede Municipal de Educação, parabenizando a todos que contribuíram para a conclusão do curso em especial os protagonistas da conquista que são os Professores formado

Comentários
você pode gostar também