Informações e Notícias de Parintins

Projeto do IEA é escolhido e vence competição do Instituto MRV

Escolha foi por voto popular e garantiu o incentivo financeiro de R$ 160 mil para 2020 e 2021

O Instituto de Educação do Amazonas (IEA) teve o Projeto “Empresa Júnior Escolar – Empreendedorismo Educacional nos 140 do IEA”, aprovado pelo “Programa Educar para Transformar”, promovido pelo Instituto MRV, em votação popular pela internet. Uma das escolas mais tradicionais de Manaus, o IEA concorreu com outras 15 instituições do país e ficou entre as dez mais votadas. O projeto receberá R$ 160 mil de incentivo financeiro, sendo este valor dividido nos anos de 2020 e 2021 para a compra de materiais para a escola, como computadores, impressoras, bolsas e outros equipamentos.

A iniciativa, conforme a proposta, teve como foco fomentar nos alunos a disposição ou capacidade de idealizar, coordenar e realizar projetos, serviços e negócios, além de criar produtos e souvenires que possam ser comemorativos ao aniversário da escola. “Agradecemos o apoio de amigos, colegas, familiares e da secretaria, além dos defensores da educação que nos ajudaram de diversas formas. Essa aprovação por voto popular representa quais os princípios que verdadeiramente construíram a candidatura: união, altruísmo, cooperação e resiliência”, explicou Tárik Nina, idealizador do projeto.

Ainda de acordo com Tárik, a próxima fase será de ajustes burocráticos do projeto e o planejamento em equipe, uma vez que ele assina o projeto em parceria com o outro membro, Pedro Henrique Secatti Cacheado, para execução das atividades que devem iniciar a partir de fevereiro de 2020. “Acredito que esse modelo de trabalho pode ser um caminho para a melhoria dos níveis para as nossas escolas e estaremos sempre abertos ao compartilhamento de ideias e experiências”, frisou.

Incentivo e apoio financeiro – O IEA concorreu dentro do programa “Educar para Transformar”, criado pelo Instituto MRV, que seleciona e apoia projetos voltados à transformação social por meio da educação. Com a escolha, o projeto deverá ser executado no prazo de dois anos e o resultado pode ser visto no por meio do link: https://bit.ly/2YCYeZB.

FOTO: CLEUDILON PASSARINHO

Comentários
Loading...