Segurança pública, saúde e cultura pautaram o discurso do Presidente da Câmara Mateus Assayag (PL) na Sessão Ordinária desta terça-feira, 16 de março. Apresentou um Requerimento direcionado à Secretaria Municipal de Saúde no sentido de solicitar que todas as ambulanchas do município, sem exceção, sejam equipadas com Oxímetro e Esfigmomanômetro (aferidor de pressão). A propositura foi aprovada por unanimidade.
Em se tratando de segurança pública, Mateus reiterou cobrança ao Governo do Estado do Amazonas e à Secretaria de Segurança Pública para estruturar as Polícias Civil e Militar da cidade de Parintins. Segundo ele, a população parintinense precisa estar resguardada e as Polícias necessitam de estrutura.
Mateus Assayag também declarou ser inadmissível a cidade de Parintins não ter um Hospital Regional do Governo do Estado. “Parintins precisa ser olhada de forma diferenciada, uma vez que recebe todas as demandas dos municípios próximos. Parintins tem carga gigantesca desproporcional a ajuda que recebe e a Prefeitura tem que dar conta da população de Parintins e de outros municípios, porque ninguém nega saúde”, afirmou.
Para concluir seu discurso, o Presidente da Câmara destacou participar de uma importante reunião com a Secretária de Cultura, Turismo e Meio Ambiente, Karla Viana, Vereadora Brena Dianná e Vereador Babá Tupinambá. De acordo com Mateus, a pauta do diálogo foi para discutir sobre as tratativas do Poder Executivo com os grupos de artistas da cidade.
Mateus Assayag também fez um apelo à população parintinense, para que as pessoas que têm instrumentos, objetos ou literatura possam doar ou permutar para o Museu Municipal, para que Parintins tenha um Museu Vivo. A Prefeitura Municipal de Parintins está reformando o Palácio Cordovil para transformá-lo em Museu. Por Assessoria de Imprensa da CMP – Fotos: Pedro Coelho