Parintins Notícias
O Site de Notícias de Parintins

- Publicidade -

Susam iniciará projeto-piloto de teleconsultas

A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) inicia, em julho, a implantação de projeto-piloto de consultas com médicos especialistas por videochamada. Trata-se do ‘Teleconsultas Reguladas’, do Projeto Regula Mais Brasil, no Estado, aprovado pela Comissão Intergestores Bipartite do Amazonas (CIB/AM) em reunião realizada na quarta-feira (24/06).

O projeto tem quatro fases de implantação e, ao fim delas, serão ofertadas teleconsultas nas especialidades médicas de ortopedia (geral), reumatologia, cardiologia, endocrinologia, neurologia (geral), pneumologia, proctologia, gastroenterologia, urologia, neurologia pediátrica, ortopedia pediátrica e cirurgia vascular (geral).

O Governo do Amazonas realiza o agendamento das consultas via Sistema de Regulação (Sisreg), gerido pelo Complexo Regulador. De acordo com a secretária de Estado de Saúde e coordenadora da CIB, Simone Papaiz, a ação, além de ampliar a oferta de serviços, vai permitir que pacientes que estejam, no interior, tenham o acompanhamento de especialista por meio de um celular.

“O objetivo maior é que a gente possa fazer essa assistência por teleconsulta em várias especialidades onde a demanda é muito grande. Então, uma das ações é que a gente faça a redução desse aguardo do paciente. A Secretaria de Estado iniciará a implantação no dia 1˚ de julho. Temos a intenção de fazer com que esse piloto chegue às unidades dos municípios do interior”, ressaltou a secretária.

Nas duas primeiras fases, serão agendados para as teleconsultas os pacientes encaminhados pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Manaus, progredindo para os municípios do interior nas duas fases seguintes. A previsão é que, até o final do ano, a população de todo o estado possa ter como opção o atendimento com um médico especialista via telessaúde.

Fluxo – O médico da atenção básica avalia a necessidade de atendimento especializado e realiza o encaminhamento para inserção do pedido no Sisreg. Caso o paciente autorize, o pedido pode ser atendido pelo especialista via telessaúde ou por consulta presencial.

O médico teleconsultor conversa diretamente com o paciente agendado pelo Complexo Regulador e não é necessária a realização de download de nenhum tipo de aplicativo. O paciente acessa o link disponibilizado na confirmação da consulta, autoriza acesso ao microfone e à câmera de vídeo e realiza a teleconsulta, que pode ser por computadores ou em smartphones.

Outras pautas – A CIB também aprovou a habilitação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19 e de suporte ventilatório para o interior. Após a aprovação desta quarta-feira, serão encaminhados ao Ministério da Saúde (MS) os pedidos de habilitação para que os municípios recebam recursos federais pelos leitos.

A habilitação dos leitos de UTI para Covid-19 serão para os municípios de Boca do Acre, Coari, Itacoatiara, Lábrea, Parintins, Tabatinga, Manacapuru e Tefé.

“Nós demos entrada num processo tanto de leitos de UTI quanto de leitos de suporte ventilatório para Covid neste momento de pandemia. São habilitações temporárias, mas que vão levar recursos para esses municípios a fim de apoiar, nesses serviços, com insumos e profissionais para estar ajudando a manter esse serviço, nesses municípios, onde têm esses leitos”, explicou o secretário executivo de Atenção Especializada ao Interior da Susam, Cássio Espírito Santo.

A terceira aprovação da CIB foi a nota técnica conjunta entre a Susam e a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa) sobre a vinculação das gestantes em rede, que permite que a gestante conheça, desde o pré-natal, qual a maternidade de referência do seu parto.

A Comissão – A CIB/AM é a instância colegiada que reúne secretários municipais e a gestão estadual para traçar estratégias e deliberar sobre a execução das ações e serviços de saúde.

Foto: Mayara Viana/Susam

Comentários
Carregando...