Vacinação contra a Covid-19 avança no interior do Amazonas

Municípios preparam ações para mobilizar a população

A vacinação contra a Covid-19 no Amazonas avança nos municípios do interior com a aplicação de doses em grupos de novas faixas etárias e dos grupos prioritários, nesta segunda quinzena do mês. Os municípios estão realizando mobilizações para a aceleração da imunização da população.

De acordo com a diretora do Departamento de Atenção Básica Estadual (Dabe), Viviana Almeida, todos os municípios estão recebendo visitas das equipes de vigilância, assistência hospitalar e atenção básica para ações de monitoramento e prevenção à Covid-19.

“Nós já visitamos alguns municípios da Região Metropolitana e estamos realizando o treinamento das equipes que vão fazer as visitas nos demais municípios para avaliar o cenário epidemiológico e apoiar os municípios nas ações de vacinação, organização do atendimento hospitalar e estratégia de testagem e monitoramento dos casos para interromper a cadeia de transmissão do vírus”, destacou.

O município de Itapiranga (a 227 quilômetros da capital) lidera o ranking do vacinômetro da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), com a aplicação da primeira dose de toda a população dos grupos prioritários, iniciando na próxima quinta-feira (17/06) a vacinação de gestantes e puérperas e da população de acima dos 35 anos sem comorbidades. O município já aplicou 10.070 doses, sendo 7.612 de primeira dose e 2.458 de segunda dose.

Outros municípios iniciaram a vacinação de pessoas abaixo dos 30 anos, como é o caso de Maués (a 276 quilômetros de Manaus), que já realiza a imunização de pessoas com mais de 20 anos; Lábrea (distante 702 quilômetros da capital), que iniciou nesta quarta-feira (16/06) a vacinação da população de 30 a 39 sem comorbidades e de pessoas de 18 a 29 com comorbidades; e Barcelos, Coari e Parintins, distantes 399, 363 e 369 quilômetros da capital, respectivamente, realizam a imunização de pessoas de 30 a 39 anos nesta semana.

Em Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus), a partir de sexta-feira (18/06) a vacinação passa a atender pessoas acima dos 40 anos de idade sem comorbidades. A mobilização iniciou na última segunda-feira (14/06) para a população de 51 a 54 anos e avançou para faixas etárias mais baixas.

Além dessa faixa etária, o município está realizando a imunização de 19 grupos prioritários, incluindo gestantes e puérperas com comorbidades, trabalhadores da educação, forças de segurança e salvamento, trabalhadores do transporte rodoviários e pessoas com deficiência.

Conforme dados da vacinômetro da FVS-AM, Manacapuru já aplicou 20.898 doses de imunizantes, sendo 14.851 de primeira dose – o que corresponde a 51,8% da população programada para ser contemplada – e 6.047 de segunda dose, 21,1% da população.

Além de Manacapuru, os municípios de Novo Airão, Iranduba e Canutama, situados respectivamente a 115, 27 e 619 quilômetros da capital amazonense, iniciam nesta semana a vacinação da população acima dos 40 anos sem comorbidades, além da manutenção da rotina dos demais grupos prioritários.

 

FOTO: Divulgação/Secom