Parintins Notícias

Parintins Notícias
Facebook
Twitter
WhatsApp

Integrando a variada programação do “Mundo Encantado do Natal”, realizado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, o concerto “O Encanto de Natal” estreou na noite de quarta-feira (20/12), no Teatro Amazonas.

Apresentando um medley de canções natalinas, encenadas pelo Balé Folclórico do Amazonas, o concerto tem a concepção artística do maestro Marcelo de Jesus e conta com a participação do Balé Folclórico do Amazonas, Amazonas Filarmônica, Orquestra de Violões e Coral do Amazonas, além dos solistas Cella Bártholo, Carol Martins, Elane Monteiro, Enrique Bravo e Luiz Carlos. A regência é de Otávio Simões e Davi Nunes.

“É uma concepção de um concerto semiencenado. Não é um musical, não é um balé, não é um concerto tradicional. É um concerto semiencenado que é uma forma diferente de que a gente está propondo esse ano”, explica o maestro Marcelo de Jesus.

O maestro também define “O Encanto de Natal” como um grande medley de músicas natalinas de todos os Natais realizados pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa nesses últimos anos.

“Então, a gente tem os grandes hits da Caixa Mágica, do Natal Encantado do ano passado, e dos três últimos Natais a gente tem hits de cada um. Tem também uma novidade que são os arranjos do Adonai Júnior, da Orquestra de Violões. Arranjos novos sendo apresentados”, detalha Marcelo de Jesus.

Concepção cênica

Responsável pela concepção cênica do espetáculo, a diretora do Balé Folclórico do Amazonas, Monique Andrade, explica que o concerto não tem um enredo único e que foram criadas quatro cenas importantes para o balé executar.

“É feita uma abertura trazendo uma grande confraternização dos três natais anteriores. Tem ‘A Caixa Mágica de 2020’, ‘Um presente para o Natal’, de 2021, e ‘O Encanto do Natal’, de 2022, trazendo essa magia do que já aconteceu para a abertura do concerto”, explica.

Outra cena que Monique Andrade destaca é a representação do Rei Herodes. “Existe o castelo de Herodes que é toda preparação para a entrada dele e, logo em seguida, Herodes entra e aí tem uma cena mais forte, mais quente, e ao mesmo tempo irônica, do que seria a figura desse Herodes, com o Balé Folclórico”, afirma.

A construção do presépio também é outra cena de destaque no concerto. Segundo Monique Andrade, a proposta foi não trazer um presépio tradicional.

“Fizemos os bailarinos entrarem com vários tecidos esvoaçantes, uma coisa bem leve, bem bonita. E no final, sem o público perceber, eles transformam esses personagens nos tecidos e constroem esse presépio com o aparecimento da Estrela Guia, que é uma das solistas convidadas, a Cella Bártholo”, revela Monique.

O “grand finale” traz a figura mais icônica do Natal: o próprio Papai Noel, que surge no corredor central da plateia do teatro, encantando as crianças presentes.

“Os personagens dos natais anteriores, que fizeram a abertura, voltam, trazendo o Papai Noel e fazendo um grande encerramento com todos os solistas juntos”, explica Monique.

Lembrança feliz

Revezando-se na regência do concerto com o maestro Davi Nunes, o maestro Otávio Simões afirma que as músicas que ele rege trazem uma lembrança muito boa de outros natais.

“A minha parte é reger as músicas que eu já havia regido na ‘Caixa Mágica do Natal’. Então, me traz uma lembrança muito boa. Foi um espetáculo muito premiado aqui no Amazonas, aliás, na região Norte. Então, me traz uma felicidade e uma lembrança muito boa dessas memórias de 2019”, afirma.

A estudante Stephanie Letícia, que está iniciando uma carreira no teatro, fez questão de conferir “O Encanto de Natal” e convenceu o namorado Mikael Andrade a acompanhá-la. “Eu sou encantada com a magia do Natal, tudo que envolve o Natal. Então, eu quis muito vir, finalmente consegui o ingresso e fiquei muito feliz”, afirmou.

Mikael não escondeu que estava ali por vontade da namorada. “O que me motivou foi minha namorada. Ela está iniciando a carreira no teatro. Eu não conhecia particularmente, nunca tinha vindo ao teatro. Esse ano está sendo a primeira experiência. E por conta dela, ela é minha motivação”, declarou.

O espetáculo “O Encanto de Natal” fica em cartaz até sábado (23/12) no Teatro Amazonas, com apresentações diárias, sempre às 19h. As entradas gratuitas foram obtidas por meio de cadastramento no Portal da Cultura e estão esgotadas.

Relacionados