Parintins Notícias

O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), por meio da Fiscalização, deflagrou, entre a última sexta-feira (1º/09) e o domingo (03/09), a Operação “Lei Seca” na rodovia estadual AM-070, em decorrência do 25º Festival de Cirandas de Manacapuru, realizado no mesmo período, no município de Manacapuru (a 68 quilômetros de distância de Manaus).

Segundo o balanço, mais de 900 veículos foram abordados e 121 autuações aplicadas, sendo que 45 foram por alcoolemia e duas recusas. A ação seguiu a agenda do Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (Pnatrans), visto que a combinação de álcool e direção figuram entre as principais causas de acidentes de trânsito.

De acordo com o diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá, ações como essa visam conscientizar todos aqueles que fazem parte do trânsito. “É fundamental conscientizar condutores e pedestres sobre seus deveres e obrigações. Seguindo essas regras, que são simples, protegemos vidas e contribuímos cada vez mais para um trânsito mais seguro”, comentou.

Pnatrans

O Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (Pnatrans) foi criado em 2018, pela Lei nº 13.614, para orientar os gestores de trânsito do nosso país a implementarem ações com o objetivo de reduzir mortes e lesões no trânsito, em alinhamento com a Nova Década de Segurança no Trânsito da Organização das Nações Unidas (ONU).

Lei Seca

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), os condutores sob efeito de bebida alcoólica passam a dirigir com sua capacidade psicomotora alterada, pondo em risco a vida, integridade e meio ambiente. A penalidade de multa no valor de R$ 2. 934,70 e ocorre a suspensão do direito de dirigir por 12 meses.

O Detran Amazonas continuará com todo o empenho atuando nos trabalhos da “Lei Seca”, a fim de garantir a segurança e reduzir o número de vítimas fatais no trânsito, na capital e no interior do Estado.

FOTO: Arquivo/Detran-AM