Parintins Notícias
Compartilhe:

Alunos que cursam doutorado e possuem bolsas concedidas pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) ou Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) podem participar do Programa Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) que está com inscrições abertas até o dia 31 de outubro, na página da https://www.daad.org.br/pt/2023/08/07/programa-de-auxilio-para-doutorandos-na-alemanha.

O período da realização das estadias de pesquisa ocorrerá entre maio de 2024 e janeiro de 2025.  A ação é uma parceria firmada entre a Fapeam, por meio do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) em parceria com o DAAD.

A iniciativa tem objetivo de viabilizar a permanência de estudantes brasileiros de doutorado em universidades, institutos de pesquisa, laboratórios ou bibliotecas na Alemanha para pesquisas específicas, relevantes para o desenvolvimento da tese de doutorado, por um período de dois a seis meses, sem interrupção da vigência da bolsa cedida pela Fapeam ou pela Capes.

Enquanto, o DAAD é responsável pela passagem aérea, seguro viagem e complemento da bolsa.

Requisitos

O interessado deve ser bolsista de doutorado da Fapeam ou Capes, em modalidade que permita o afastamento para estudos no exterior por até seis meses com a manutenção do pagamento da bolsa. O bolsista receberá um auxílio mensal de 650 euros pelo DAAD.

O aluno também deve estar com a matrícula regular no curso de doutorado em uma universidade brasileira. É necessária ainda carta de recomendação do orientador brasileiro e aceite do orientador da instituição alemã.

Quem já recebeu auxílio ou uma bolsa de doutorado sanduíche do DAAD pode se candidatar novamente desde que não seja no ano de vigência da primeira estadia.

Os candidatos não podem ter formado há mais de seis anos antes do prazo de inscrição, e também não pode ter sido iniciado o doutorado há mais de três anos, contando do momento da submissão da candidatura.

No momento da inscrição, os candidatos não podem estar residindo há mais de 15 meses na Alemanha. Os candidatos também devem apresentar um comprovante de conhecimento da língua alemã ou língua inglesa de acordo com o Quadro de Referência Europeu (por exemplo: TOEFL, IELTS) ou TestDaF no nível B2 ou superior.

É necessário registrar-se no portal do DAAD online, escolher o programa e fazer o upload dos documentos indicados. Após realizar o upload, é necessário enviar a versão impressa do formulário online e a carta de recomendação por correio para o Escritório Filial do DAAD no Rio de Janeiro.

Para mais informações, como os detalhes do financiamento, requisitos necessários e o processo de candidatura, acessar o site do DAAD (https://www.daad.org.br/pt/2023/08/07/programa-de-auxilio-para-doutorandos-na-alemanha/)

Por: Decon Fapeam