Parintins Notícias

Visando fortalecer a realização de ações de saúde e monitoramento para eventos de massa, técnicos da Fundação de Vigilância de Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), vinculada à Secretaria de Estado e Saúde do Amazonas (SES-AM), realizam, durante o mês de maio, visitas técnicas a Parintins (a 369 quilômetros de Manaus), por ocasião do 56º Festival Folclórico a ser realizado na Ilha Tupinambarana.

De forma integrada, os profissionais de saúde dão suporte à equipe da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa Parintins), visando a prevenção de riscos à saúde da população no período do evento, que será realizado nos dias 30 de junho, 1º e 2 de julho. As ações consistem em três etapas com ações em momento pré-festival, durante e pós-festival.

De acordo com a diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, as ações prévias ao festival desempenham um papel fundamental na redução de riscos à saúde pública e no bem-estar de todos os participantes do evento. “É essencial implementar ações de prevenção e preparação. Vamos trabalhar juntos para fortalecer, ainda mais, o Festival de Parintins seguro e saudável para todos”, afirmou.

Nessa etapa pré-festival, os técnicos dão suporte à Semsa Parintins com a intensificação das ações das vigilâncias Sanitária, Epidemiológica, Laboratorial, Ambiental e Saúde do Trabalhador. Entre essas áreas de atuação, estão incluídos treinamentos para prevenção de violências, acidentes, doenças e Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), orientações para comércio de venda de bebidas e alimentação.

Visitas técnicas

Até esta quarta-feira (17/05), as visitas ocorrem por meio de três setores da FVS-RCP: o Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde (CIEVS), a Rede Estadual de Vigilância Epidemiológica Hospitalar (REVEH) e a Comissão Estadual de Prevenção e Controle de Infecção em Serviços de Saúde (CECISS).

Roberta Lima Danielli, técnica do CIEVS, é uma das profissionais que atuam no fortalecimento de respostas rápidas diante de eventuais doenças e riscos identificados. “O planejamento junto às equipes em Parintins permite que as ações sejam realizadas da melhor forma possível, através do conhecimento técnico da realidade do município e, também, para o aumento de pessoas durante o festival”, disse.

Pela REVEH e CECISS, especificamente, foram realizadas visitas técnicas ao Hospital Padre Colombo e Hospital Regional Dr. Jofre Cohen, com objetivo de fortalecer as ações de vigilância em saúde hospitalar para as doenças de notificação compulsória (obrigatória) e infecções em serviços de saúde.

Ainda na primeira semana do mês, de 8 a 13 de maio, as visitas técnicas foram realizadas pela equipe do Departamento de Vigilância Sanitária (Devisa). “Essas visitas fortalecem as ações que estamos realizando na cidade, visando assegurar a qualidade dos serviços prestados durante o Festival”, pontua Jimmy Torquato, gerente de produtos do Devisa na FVS-RCP.

A equipe do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador Estadual do Amazonas (Cerest-AM), também unidade da FVS-RCP, orientou trabalhadores dos galpões dos bois-bumbás para garantir proteção durante o festival.

FOTO: Divulgação/FVS-RCP