Parintins Notícias

Parintins Notícias
Facebook
Twitter
WhatsApp

Com o objetivo de dar visibilidade sobre os direitos dos animais e a participação da sociedade na proteção e na defesa dos animais, o Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), por meio da Escola de Contas Públicas do Amazonas (ECP-AM) e da Diretoria de Relações Institucionais da Presidência (Dirip), realizou, na manhã desta quinta-feira (23), no auditório da Corte, a roda de conversa “Saúde e Direitos dos Animais”. 

A iniciativa contou com o apoio da Comissão Especial de Proteção aos Animais (Cepa) da OAB-AM e da Comissão de Proteção aos Animais, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Assembleia Legislativa do Amazonas (CPAMA/Aleam), que já promovem ações que visão o estímulo da responsabilidade social e também o respeito a esses indivíduos. 

Em sua fala de abertura, o presidente do TCE-AM, conselheiro Érico Desterro, discorreu sobre suas expectativas acerca do fomento de ações institucionais que pretendam sensibilizar a população sobre a proteção animal e combate aos maus-tratos.

“Acredito que, cada vez mais, a sociedade reconhece a relevância de se pensar em alternativas que possibilitem a assistência e a qualidade de vida dos animais, sendo assim espero que esse seja mais uma ação da Corte de Contas amazonense visando não só suas atividades fins, mas agora também a dignidade animal e a mobilização dos cidadãos para proteção dos mesmos”, afirmou o conselheiro-presidente, Érico Desterro. 

Como especialistas da roda de conversa participaram o vereador Kennedy Marques, defensor da causa animal, a dra. Jéssica Amorim, coordenadora da CPAMA/Aleam, além da dra. Andrezza Said, integrante da CEPA/OAB-AM, e o dr. Jorge Carneiro, médico veterinário do Projeto Castramóvel da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema-AM).

Foram abordados na conversa assuntos relacionados à legislação vigente a favor do direito animal e guarda responsável, assim como o bem-estar e controle reprodutivo de cães e gatos, cada uma tratando das temáticas sob diferentes perspectivas, mas visando levar à sociedade informações pertinentes para a atuação na proteção animal.

Inspiração para o evento

Desde a chegada das gatas Tereza Carolina Efigênia Amazonas e Maria Pia Catarina Amazonas, os servidores e funcionários da Corte de Contas amazonense estão ainda mais sensibilizados e comovidos quando se trata do zelo e cuidado das mascotes.

Inspirado nelas que a realização da roda de conversa foi viabilizada, propondo gerar uma comoção similar da que vem acontecendo nos espaços do Tribunal, mas agora colocando em discussão para a sociedade as necessidades e o respeito animal.

Com a permanência garantida pelo conselheiro-presidente do TCE-AM, Érico Desterro, as bichanas possuem hoje livre acesso nas mais diversas áreas do Tribunal e até mesmo utensílios que assegurem o bem-estar e segurança das mesmas, como casa e crachá.

Relacionados