Informações e Notícias de Parintins

Assaltos e homicídio

A onda de assaltos e homicídio em Parintins, nos últimos dias, são reflexos da falta de maior investimento na segurança pública. A “ronda nos bairros” que existia na cidade não se vê mais. É notória a falta de policiais e de equipamentos necessários para o patrulhamento, que deve ser contínuo e não esporádico. Não se teve uma nota oficial da Polícia sobre os assustadores acontecimentos, mas não se deve procurar culpados (além dos autores dos crimes), mas procurar soluções para o problema.

Saldo positivo

A realização da Expopin 2019 ainda gera um saldo positivo. A Associação dos Pecuaristas de Parintins, APP, fez uma boa avaliação dos investimentos do governo e órgãos de financiamento, o envolvimento de pecuaristas, agricultores, criadores e demais autônomos do setor, e a intensa participação do público. Segundo o presidente da APP, Telo Pinto, a expectativa é uma movimentação financeira de R$ 2 a 3 R$ milhões.

De restaurante a centro de cozinha

O elefante branco incompleto Restaurante Popular, no Itaúna I, deve tomar uma nova direção. A prefeitura de Parintins anunciou que o local vai se tornar em centro de cozinha, um lugar para cursos profissionalizantes na área da culinária. A ideia é promissora e esperamos que saia do papel e resolva a ociosidade do restaurante.

Socioeducativo

O Festival Afro-Amazônico 2019, que aconteceu no dia 12 de dezembro, realiza essa semana palestras com as temáticas “Resistência Indígena” e “Resistência Negra”. O objetivo é mostrar a importância e a influência indígena e negra na cultura brasileira. A ação presta um serviço socioeducativo à comunidade parintinense.

Eldiney Alcântara
Eldiney Alcântara é repórter/redator. Bacharel em Ciência Política, Licenciado em Letras, Especialista em Cultura e Meios Comunicação e graduando em Jornalismo.
Comentários
Loading...