Campeão na vida e no esporte, Kael é recebido com festa em Parintins
Foto: Kedson Silva

Kael foi campeão brasileiro na Paraolimpíada Escolar em São Paulo.

Sob aplausos e com direito a apresentação da Fanfarra ‘Águia do Norte’, carreata pelas ruas da cidade em uma das viaturas do Corpo de Bombeiros acompanhado da professora Helida Gadelha, treinador Jorge Andrade, mãe Ionice Glória de Souza, amigos (alunos), professores e da equipe da Semjuv: assim foi marcada a chegada à Parintins do campeão brasileiro da Paraolimpíada Escolar, Kael de Souza Modesto, 13, aluno do Centro Educacional de Tempo Integral Gláucio Gonçalves na manhã desta quarta-feira, 28 de novembro.

“Só tenho a agradecer a todos pela homenagem e essas duas medalhas foram conquistadas graças ao apoio de todos, amigos, professores e minha família”, destacou o atleta campeão.

O mesatenista Kael Modesto conquistou duas medalhas de ouro (nas disputas em dupla e individual) e fica na história do esporte parintinense como o primeiro atleta PCD (pessoa com deficiência) a disputar uma competição nacional. A Paraolimpíada Escolar encerrou na semana passada e foi realizada em São Paulo-SP.

Ionice de Souza (mãe) agradece a Deus e a todos que ajudaram seu filho e, segundo ela, essas medalhas representam a história de vida cheia de desafios do Kael. “Hoje estou muito feliz por saber que mais do que ele sobreviver a tantas crises de saúde, ele pode comemorar uma vitória”, disse a mãe.

Sobre os desafios e superação através da modalidade tênis de mesa, Ionice ressalta que o esporte foi uma das formas de trazer mais alegria. “Só de ver meu filho com saúde já me dá muita alegria. E ver ele campeão na vida e no esporte me deixa muito feliz”, completa.

Perguntada sobre o futuro do Kael no esporte, a mãe diz que sempre deixou o Kael muito à vontade, apesar de estar surpreso com tudo que está acontecendo, ele anseia muito mais. “Vamos ver o que acontece e só temos a incentivar e acreditar em Deus que com muita determinação, esforço e muito treinamento ainda vamos ter muitas alegrias com o Kael”, frisa.

“Essa é uma homenagem que partiu da família CETI que com esse momento histórico com a vitória do Kael, abre as portas para trabalharmos cada vez mais a inclusão social, incentivando cada vez mais e buscar talentos também no esporte”, exaltou a gestora do Ceti, Cristiana Oliveira.

Comentários