Emprego formal no Amazonas obteve saldo positivo em setembro

O mês fechou com 12.167 admissões e saldo de 1.166 postos de trabalho

De acordo com dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o Amazonas registrou 12.167 admissões e apresentou saldo positivo de 1.666 postos de trabalho, em setembro de 2019. O estoque de empregos (somando as declarações fora do prazo e o saldo de agosto) somou 602.006 postos de trabalho. As informações embasaram o último relatório consolidado e divulgado no final do mês de outubro, pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti).

O principal tipo de contratação foi a de admissão por reemprego (10.601), responsável por 87,13%, seguido pela admissão por primeiro emprego (1.566) com 12,87% das admissões. Se observado apenas o saldo de empregos de setembro (1.666), os dados do Caged mostram que, no Amazonas, os jovens de 18 a 24 anos representaram a maioria, com um total de 1.168 postos de trabalho. A segunda faixa etária mais procurada pelos empregadores foi de até 17 anos, com 315 empregos.

Atividades econômicas e ocupações – O setor da Indústria de Transformação apresentou o maior saldo, com 803 postos de trabalho em setembro, seguido pelos setores de serviços (547), construção civil (240) e comércio (71).

A ocupação de alimentador de linha de produção obteve o maior saldo de postos de trabalho com 392 colocações, seguido por montador de equipamentos eletrônicos (267), eletricista de instalações (258), auxiliar de escritório em geral (249), operador de linha de montagem – aparelhos eletrônicos (109), vendedor de comércio varejista (101), faxineiro (95), vigilante (81), montador de veículos – linha de montagem (69) e operador de máquinas fixas em geral (64).

Escolaridade – A análise referente a escolaridade procura demonstrar o grau de ensino mais procurado e o resultado no saldo de emprego. No mês de setembro, os trabalhadores com o nível de escolaridade Médio Completo conseguiram o melhor resultado, com saldo positivo de 1.608 postos de trabalho. Em seguida aparecem os níveis Médio Incompleto e Superior Incompleto, respectivamente, 150 e 64 postos de trabalho.

Saldo do emprego – No mês de setembro, na capital, a atividade que registrou o maior saldo foi a Instalação e Manutenção Elétrica, com 312 postos, seguida pela Fabricação de Aparelhos e Equipamentos de Ar Condicionado Para Uso Não-industrial (275) e Fabricação de Pilhas, Baterias e Acumuladores Elétricos – exceto para veículos automotores (203). Entre os 45 municípios observados em setembro, Itacoatiara liderou com 46 postos de trabalho. Em seguida aparecem Humaitá (42), Parintins (35) e Iranduba (19).

FOTO: Thiago Corrêa / Secom

Comentários
Loading...