Equipes do Governo do Estado iniciam entrega do Cartão Auxílio Estadual na capital

Famílias em situação de vulnerabilidade receberão o cartão na própria residência, evitando exposição dos beneficiários à transmissão da Covid-19

O Governo do Amazonas iniciou, na manhã desta segunda-feira (1º/02), a entrega do Cartão Auxílio Estadual para pessoas em situação de extrema pobreza que vivem na capital. As equipes, compostas por técnicos do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) e da Secretaria de Assistência Social (Seas), irão entregar o cartão na residência dos assistidos, tanto na capital quanto no interior.

Os servidores foram reunidos na sede da Seas, na manhã de hoje, para receber o itinerário de deslocamento. Em duplas e auxiliadas pela Polícia Militar, as equipes seguiram para diferentes endereços a fim de realizar a entrega do Cartão Auxílio Estadual para cada família. Ao todo, 100 mil cartões serão distribuídos em todo o estado do Amazonas.

De acordo com a secretária da Seas, Maricília Costa, todas as famílias foram selecionadas com base no Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal, a partir de dados extraídos pela Caixa Econômica Federal (CEF) relativos ao mês de novembro de 2020.

“Todas as famílias nós sabemos que necessitam, mas também tem famílias que estão em extrema pobreza. Então nós fizemos toda uma triagem escolhendo essas famílias da seguinte maneira: aquelas que não têm recursos nenhum, que não tem automóveis, que não tem outros bens, que só vivem mesmo da renda do Cadastro Único e de uma atividade extra”, explicou a secretária Maricília Costa.

É o caso de Valdilene Pereira, de 40 anos. Ela recebeu uma equipe em sua residência, localizada no bairro Aleixo, zona centro-sul de Manaus. Por conta da pandemia, ela afirma que a procura pelos serviços de faxina diminuiu, e consequentemente diminuiu a renda da família. Ela considera o auxílio do cartão do Governo do Estado de extrema importância.

“Para mim está sendo bem vindo porque eu estou em casa esses tempos. Faço faxina para me ajudar, mas esses tempos estou em casa, e não tem como a gente sair pra trabalhar. Tudo nesse momento é bem vindo para a gente. Eu só tenho a agradecer. Obrigado ao Governo do Estado que está disponibilizando, e que Deus venha nos abençoar para que a gente fique bem e possa voltar ao normal”, disse ela.

Ivone Feitoza, 37, também recebeu as equipes na manhã de hoje. A dona de casa vive com os três filhos e o marido na mesma casa, e explica que a situação vivida pela família tem sido de dificuldades.

“Meu esposo está um pouco preocupado porque está tudo parado e o patrão dele está querendo ‘dar a conta’. Com certeza esse cartão vai ajudar muito a gente neste momento”.

Benefício – O Cartão Auxílio Estadual busca preservar a saúde da população, evitando a exposição dos beneficiários a um risco maior de transmissão da Covid-19. O benefício, dividido em três parcelas de R$ 200, totalizando R$ 600, será entregue em domicílio, sem que seja necessário que as famílias se dirijam a entidades e órgãos públicos. A segunda parcela deve ser paga no final de fevereiro, e a terceira e última está programada para o mês de março.

Validação – O Governo do Estado disponibilizou, a partir de hoje, o acesso ao site www.auxilio.am.gov.br para consulta sobre critérios adotados na concessão do benefício. Para saber se é beneficiário, basta informar o número do CPF e a data de nascimento. No portal é possível também verificar quais os estabelecimentos credenciados para uso do cartão, que é exclusivo para compra de produtos alimentícios e de higiene e limpeza.

A secretária executiva do FPS, Kathelen Santos, reforçou que o objetivo das informações on-line é garantir a transparência do processo para todas as pessoas que aguardam a chegada do cartão.

“Se ela é um beneficiário, vai poder acessar o site, e também, como a entrega é no modelo delivery, quanto mais atualizado esse endereço com esse telefone estiver, mais fácil vai ser para a nossa equipe, mais rápido para que eles encontrem esse beneficiário. É importante ressaltar que eles não precisam se dirigir a nenhuma secretaria. É importante também que essas pessoas não acreditem em listas que possam circular por grupos de WhatsApp, por exemplo. Todos os beneficiários estão no site oficial do Governo”, afirmou.

Interior – No interior, as equipes iniciam a entrega dos cartões na quarta-feira (03/02). Além do FPS e Seas, a operação envolverá uma força-tarefa integrada pela Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM), Companhia de Saneamento do Amazonas (Cosama) e Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc).

Segundo o FPS, técnicos do Fundo e da Seas estão divididos desde hoje em municípios da Região Metropolitana para levantar informações sobre os beneficiários. O objetivo é que todos os municípios do Amazonas recebam o auxílio até o dia 23 de fevereiro.

FOTO: Herick Pereira/Secom