Wilson Lima anuncia a abertura de 38 leitos na Fundação Medicina Tropical para pacientes com Covid-19

O governador Wilson Lima inspecionou, nesta quinta-feira (31/12), a Fundação de Medicina Tropical Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), que vai passar a ofertar 20 leitos clínicos e 18 leitos de Unidade de Terapia intensiva (UTI) para pacientes com Covid-19. A oferta faz parte do Plano de Contingência do Governo do Estado de ampliação de leitos nas unidades hospitalares da capital.

“Estamos otimizando todos os espaços que nós temos, e as fundações têm uma contribuição muito grande nesse momento. E essa integração com as instituições é para que leitos possam ser abertos. Na Fundação de Medicina Tropical estão sendo abertos 20 novos leitos clínicos e, até domingo, 18 leitos de UTI entrarão em funcionamento, incluindo leitos da pediatria, uma vez que a gente tem alguns casos de crianças que estão sendo acometidas pela Covid”, pontuou o governador Wilson Lima.

O governador novamente reforçou as recomendações de prevenção para a população. “O trabalho tem sido incansável dos profissionais da área de saúde, e tenho acompanhado todas essas ações pessoalmente coordenadas com o secretário de Saúde e o nosso comitê de Covid. É importante que as pessoas evitem aglomerações porque nenhum sistema do mundo consegue suportar esse comportamento, e as transmissões são feitas através desse ajuntamento de pessoas. Vamos fazer nossa parte nesse momento, seguir os protocolos da saúde para que a gente possa comemorar outras festas juntos, outros finais de ano”, ressaltou o governador.

A Fundação de Medicina Tropical ampliou de sete para 10 o número de leitos de UTI adulto para servir de retaguarda.

Aumento de leitos – O plano de contingência prevê o aumento da oferta de leitos clínicos e de UTI nas unidades hospitalares do Estado por fases. Nesta quarta-feira (30/12), o Hospital Delphina Aziz colocou em funcionamento mais dez leitos de UTI, chegando a 150 leitos desse tipo e mais 234 leitos clínicos. Na terça-feira (29/12), o governador anunciou a abertura de 27 leitos, sendo 10 de UTI e 17 leitos clínicos, para pacientes com Covid-19, no Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV).

O HPS 28 de Agosto iniciou também a reorganização de leitos para atender à crescente demanda de pacientes com suspeita de Covid-19. A unidade irá aumentar de 12 para 40 o número de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI), triplicando a oferta. O quantitativo de leitos clínicos Covid também será ampliado de 16 para 42, um crescimento de 160%.

O Hospital Platão Araújo também já havia reorganizado os fluxos de atendimento da unidade, que se tornou referência para o atendimento de urgência e emergência para pacientes com Covid-19. Nesse intervalo, 119 leitos da unidade – 89 clínicos e 30 de terapia intensiva – foram transformados em leitos exclusivos para a Covid-19, e uma nova enfermaria com 31 leitos está sendo preparada para essa finalidade na unidade.

FOTO: Diego Peres/Secom