Parintins Notícias
Notícias de Parintins

Moradores de Parintins executam obras nas vias públicas por omissão da prefeitura, diz vereadora Brena Dianná

A vereadora Brena Dianná (UB) questionou os trabalhos executados pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) de Parintins nesta terça-feira (10). Segundo a parlamentar, as ruas do bairro Itaúna II continuam sem pavimentação.

A legisladora reclamou que a cidade fica bonita e asfaltada no período próximo ao Festival de Parintins. As ruas beneficiadas ficam no entorno do Bumbódromo, enquanto outras ruas como a 10 do bairro Itaúna, por exemplo, nunca receberam asfaltamento em quase 20 anos de existência. “Os moradores se sentem esquecidos e abandonados pela administração pública. Várias vezes prometeram levar as melhorias para lá. Os moradores reclamam que saiu a programação das ruas que serão asfaltadas agora e, mais uma vez, a Rua 10 (Pastor Lessa) ficou de fora”, revelou a vereadora.

Brena divulgou os vídeos feitos pelos comunitários, mostrando que a rua está coberta por água e lama, com buracos e mato por toda parte. A vereadora disse ainda que os moradores padecem com a impossibilidade de receber serviços públicos. “Eles andam até a rua principal para pegar a conta de água na casa dos vizinhos porque não circula nem ambulância e nem correios na via esburacada. Não existe nenhum serviço urbano. Não há iluminação pública e nem policiamento. Os moradores denunciam que, por causa disso, tem até um meliante escondido lá. E a gente questiona: como fica a segurança dos moradores?”.

A vereadora cobrou da administração pública providências definitivas para problemas crônicos. “Pedimos que a administração pública vá ao local. Todos os anos esses moradores sofrem com a alagação e com as chuvas. Eles sequer estão listados na Secretaria de Habitação para serem amparados como famílias afetadas pelas enchentes porque ninguém da administração pública vai lá”, disse a vereadora. Brena Dianná visitou as Ruas Pastor Lessa, Rua Bacaba, na comunidade Itaúna II.

A vereadora destacou que em outra localidade, na estrada do Aninga, os moradores foram obrigados a executar por conta própria as obras de desobstrução de uma via para escoar a água que estava alagando aquela localidade. A vereadora mostrou as imagens do local na semana passada. “Os próprios moradores fizeram um serviço para a água escoar porque estava invadindo a casa das pessoas. A administração pública até foi lá, mas tamparam a desobstrução com areia. Será que a areia vai resolver o problema? Com o volume de água e o fluxo de automóveis que passam por ali, será que se não fizer um serviço bem feito ali não vai ceder? Por isso, peço que a Semosp fique em alerta e resolva essa situação antes que o pior aconteça”, disse Brena.

Texto: Assessoria Parlamentar / Foto: Simone Brandão

-publicidade-