Parintins Notícias
Notícias de Parintins

Parceria reduz em 75% lista de pacientes indígenas que aguardavam por atendimentos em Manaus

Dos 150 pacientes que esperavam por exames e cirurgias, 113 já foram atendidos

Dez meses após a implantação do termo de Cooperação-Técnica entre a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai-AM) e a Secretaria de Saúde do Amazonas (SES-AM), a lista de pacientes indígenas que aguardavam por atendimentos em Manaus, reduziu em 75%. A parceria possibilitou a viabilização nos procedimentos cirúrgicos e exames de alta complexidade.

Dos 150 pacientes que aguardavam por exames e cirurgias, 113 já foram atendidos, de acordo com o coordenador da Sesai, Januário Neto. Por lei, o atendimento em saúde das populações indígenas é uma obrigação do Governo Federal.

“Nós tínhamos mais de cem indígenas aguardando por esses procedimentos. Após o termo de cooperação técnica, mudou o cenário na Casa de Saúde Indígena e estamos resolvendo o problema dos pacientes que pediram atendimento”, disse o coordenador.

A assinatura do termo de cooperação ocorreu em outubro do ano passado, entre os representantes da Saúde Indígena e a Secretaria de Saúde, que resultou na abertura de um novo sistema para agilizar os atendimentos.

“A SES garantiu a abertura do sistema de uma forma qualificada para que a gente pudesse triar e avaliar, além de resolver o problema dessas pessoas e devolvê-las para o convívio familiar”, completou o coordenador da Sesai.

Distritos
Ainda segundo a Sesai, o Amazonas conta com sete Distritos Especiais Indígenas que abrangem todos os municípios do estado. Agora, com o novo sistema, os pacientes dos distritos são encaminhados para Manaus quando precisam de atendimento de alta complexidade.

-publicidade-