Informações e Notícias de Parintins

Prefeitura de Parintins realiza Censo Escolar da Educação Básica 2019

De acordo com a Coordenação de Estatística e Cadastramento Escolar, o cadastramento iniciou no dia 29 de maio, data oficial da abertura do Censo Escolar. Durante todo o mês de junho a equipe trabalhou na Sala da Coordenação atendendo gestores, professores e técnicos administrativos, atualizando cadastros de escolas e quantitativos de alunos.

A Prefeitura de Parintins, por meio da Divisão de Estatística e Cadastramento Escolar da Secretaria de Educação, está realizando desde o mês de maio o cadastramento no Censo Escolar 2019, com as informações dos alunos de 146 escolas que compõem a rede municipal de educação. Desse total, 119 escolas estão na zona rural e 27 na zona urbana.

De acordo com a Coordenação de Estatística e Cadastramento Escolar, o cadastramento iniciou no dia 29 de maio, data oficial da abertura do Censo Escolar. Durante todo o mês de junho a equipe trabalhou na Sala da Coordenação atendendo gestores, professores e técnicos administrativos, atualizando cadastros de escolas e quantitativos de alunos.

De acordo com o secretário de Educação João Costa, seguindo as orientações do prefeito Bi Garcia, a Secretaria de Educação está fazendo de forma incansável o cadastramento dos dados para que o município consiga elevar o número de alunos nas escolas da área urbana e rural.

“Nossos técnicos estão trabalhando para enviar os dados referentes aos quantitativos de alunos da rede municipal de ensino para chegarmos a um número expressivo de alunos nas escolas e conseguirmos os investimentos para educação municipal. É através do Censo Escolar que todas as informações são coletadas e enviadas ao Ministério da Educação (MEC) e, com base nessas informações, são liberados os recursos para merenda escolar, transporte escolar, o valor do custo aluno, além de recursos para o pagamento dos professores. Para isso, é importante que as informações sejam verdadeiras, não deixando de cadastrar nenhum aluno”, disse o secretário João Costa.

Segundo o coordenador da Divisão de Estatística e Cadastramento Escolar, André Nascimento, as escolas que não possuem internet para o envio das informações podem usar uma lan house disponibilizada pela Prefeitura de onde os técnicos administrativos das escolas podem cadastrar os alunos de acordo com um cronograma montado pela equipe.

“A estrutura foi disponibilizada pela Prefeitura, especialmente para atender a demanda de alunos da zona rural, fruto da sensibilidade do prefeito Bi Garcia, dada a acessibilidade limitada à internet e até à locomoção à sede na zona urbana. A Expectativa é cadastrar 18.000 Alunos da Educação Infantil a Educação de Jovens e Adultos”, destacou.

Comentários
você pode gostar também